Em homenagem ao mês da mulher fundação internacional apoia projetos que capacitem mulheres jornalistas

0
265

International Women’s Media Foundation apoia projetos que tenham em seu time 50% de mulheres jornalistas

 

            Em homenagem ao Dia Internacional da Mulher – 08 de março – a International Women’s Media Foundation em parceria com o Howard G. Buffett Fund for Women Journalists, apoiaram projetos de mulheres jornalistas de todo o mundo. Times de jornalistas com pelo menos 50% de mulheres puderam se inscrever, desde que a inscrição fosse feita por uma mulher. O jornalismo deveria ser a função principal da participante, que em seu currículo conste, no mínimo, três anos de experiência na função.

            Como recompensa aos projetos aprovados, o fundo oferecia financiamento tanto à reportagem, quanto a iniciativas de desenvolvimento profissional. Os projetos deveriam incluir: exposição de questões globais críticas; desafiar narrativas tradicionais de mídia; desenvolver competências com base em campo e fortalecer carreiras; treinamentos e oportunidades de liderança; e lançamento de novos projetos empresariais ou adquirir a habilidade de fazê-lo. As reportagens podiam ser de qualquer formato de mídia, incluindo impresso, digital, vídeo, fotografia e novas mídias. A prioridade foi para temas pouco abordados e que tivessem uma importância global.

            Para participar e ter o seu projeto aprovado, as jornalistas candidatas deveriam enviar um resumo do seu trabalho ou currículo, apresentar uma breve descrição do projeto, da finalidade e da questão/problema que pretendia abordar, além de um orçamento estimado e um prazo. Todos os documentos deveriam estar em inglês. A bolsa e o prazo variam de acordo com o projeto, mas o Fundo recomendava que todos os projetos inscritos apresentassem propostas de até 10 mil dólares e que tivessem duração de um ano ou menos.

            Texto: Clinton Paz – Jornalista PeopleConnected.

            Fotos: Portal comunique-se & Monique Jaques.

LEAVE A REPLY