Um modelo que simplifica o reconhecimento da cidadania italiana.

0
154

Hoje, o Senador Fausto Longo teve a possibilidade de fazer uma reunião com o colega Roberto Cociancich do Partido Democratico, que é membro da Commissione Affari Costituzionali para discutir sobre uma questão importante: o DDL referente a um modelo que simplifica o reconhecimento da cidadania italiana, pela administração municipal (Comune). O que significa? Que a pessoa que tem direito a cidadania, poderá enviar toda a documentação por correio eletrônico à prefeitura de origem do antepassado. A seguir, a prefeitura (Comune) examinará os conteúdos enviados (no máximo em 5 meses ou 150 dias) e após constatar que está tudo certo, enviará um convite para o cidadão apresentar a documentação original, no prazo de 12 meses, para obter a cidadania reconhecida.

Esta seria uma grande conquista, na luta do Senador Fausto Longo para responder às exigências dos italo-descendentes por seus direitos, porque vai reduzir o tempo e a despesa para obtenção da cidadania uma vez que não seria mais necessario fixar a residência na Itália. Continuam a valer as formas existentes para requerer o reconhecimento da cidadania o seja através do Consulado ou, se você reside na Itália, na prefeitura italiana da sua cidade.Longo-con-Cociancich

www.faustolongo.com.br

LEAVE A REPLY